segunda-feira, 3 de janeiro de 2011

SABEDORIA CRISTÃ CATÓLICA

Não te aflijas quando não receberes imediatamente, de Deus, o objeto de teu pedido: é que ele quer fazer-te ainda maior bem, por tua perseverança em permanecer com ele na oração. O que ná de mais sublime, de fato, do que conversar com Deus e abstrair-se numa íntima comunicação com ele? [Evágrio Pôntico (séc. IV), Ditos dos Padres do Deserto]

Minha Oração

Meu Deus, eu creio em vós, mas fortificai a minha fé;

Espero em vós, mas tornai mais confiante a minha esperança;

Eu vos amo, mas afervorai o meu amor;
Arrependo-me de Ter pecado, mas aumentai o meu arrependimento.


Eu vos adoro como primeiro princípio,

Eu vos desejo como fim último;

Eu vos louvo como benfeitor perpétuo,

Eu vos invoco como benévolo defensor.


Que vossa sabedoria me dirija,

Vossa justiça me contenha,

Vossa clemência me console,

Vosso poder me proteja.


Meu Deus, eu vos ofereço Meus pensamentos, para que só pense em vós;

Minhas palavras, para que só fale em vós;

Minhas ações, para que sejam do vosso agrado;

Meus sofrimentos, para que sejam por vosso amor.


Quero o que quiserdes,

porque o quereis,

como o quereis,

Enquanto o quereis.


Nenhum comentário: